segunda-feira, 26 de novembro de 2007

Câmeras contra fraudes

O secretário de saúde Pública do RN,Aldemário Cavalcanti, resumiu instalar câmeras de circuito interno no setor de compras, para dificultar o acesso de fornecedores e o desaparecimento de documentos. Com o descaso que o governo Wilma de Faria tem com a saúde do estado, percebe-se que fatos como esse demonstram a fragilidade e incompetência dos seus colaboladores. No entanto, como ela prefere gastar cerca de R$ 1 milhão e 500 mil para inaugurar uma ponte que não trará tanto benefícios reais como atesta a sua propaganda, e deixar de lado os problemas que assolam e desmontam a saúde, com falta de material e de equipamentos. A farra da festa prevaleceu aos interesses públicos.
É inconcebível que o estado não tenha uma política séria para resolver os problemas da saúde e permaneça inerme as situações de fraudes, corrupções e desmando nessa pasta. A decisão do secretário de instalar câmeras-vigias no setor de compras é brincadeira. O sumiço do processo licitatório de R$ 11 milhões é apenas o começo de uma série de suspeitas que circulam no meio político e jornalístico. Enquanto isso, o segundo governo da governadoria Wilma de Faria permanece em sonos profundos,...

Nenhum comentário: