segunda-feira, 26 de novembro de 2007

Segurança Pública

Há muito tempo que empresários da zona norte de Natal clamam por uma solução para o combate dos problemas de segurança daquela região. Vários deles já tiveram seus comércios assaltados e acumulam prejuízos exorbitantes. No início do ano em reunião com o comando da Polícia Militar, eles apresentaram uma Carta de Intenções, apresentando propostas e solicitando mais segurança e apoio do comando. Demais encontros aconteceram, inclusive com a participação da comunidade e, em todos eles, havia a promessa da elaboração de um Plano de Segurança para o RN. Segundo o Secretário de Segurança Pública do Estado, Carlos Castim, o Plano será inovador e democrático, tentando absorver a demanda do estado. Entre suas inovações os postos policiais seriam trocados por unidades móveis com policiais a pé e viaturas dando assistência às comunidades.

Os números oficiais apontam para uma melhoria considerável das ações da polícia. Porém, a população conhece bem melhor esses números, e sabe que a bandidagem e a criminalidade aumentam a cada dia. Os problemas continuam aumentando e a população aguarda com ansiedade medidas de combate a marginalidade.

O governo do estado adquiriu 80 viaturas e 40 motos e deverá receber do governo federal cerca de 25 viaturas usadas na força de segurança do Rio de Janeiro nos jogos Panamericanos. Além disso, serão convocados os 250 homens aprovados no último concurso e recebimento de munições e equipamentos. Sabendo das condições em que se encontra o estado, os empresários da zona norte estão organizando manifestações para que as suas propostas sejam atendidas, não deixando que influências políticas levem equipamentos e homens para suas bases no interior do estado, tendo em vista que é na zona norte e na grande natal onde os índices de violência são maiores.

Nenhum comentário: