quarta-feira, 3 de março de 2010

A ATIVIDADE CAPACITA O CRENTE - TESE 1

Irmão Rafael Jácome
São esses os graus de Consciência do homem que aceita Jesus como único e suficiente Salvador: Consciência da presença de Deus e a Consciência de Santidade.
        Quando o crente começa a vivenciar o Evangelho, ele inicia o seu processo de capacitação no mundo cristão, a ter atitudes renovadas pelo Espírito Santo, alimentando-se da Palavra de Deus e da oração. A partir deste momento a relação com Deus também se transforma: se a característica essencial do homem reside na sua relação com Deus no plano do ser (se o homem é homem é pelo fato de ser imagem de Deus), este, para realizar-se plenamente precisa viver e desenvolver esta relação, também num plano existencial.      
        Quanto maior for a relação, torna-se mais profunda, viva e rica, a vida do crente, onde ele se realiza e torna-se mais feliz. O crente se realiza plenamente quando adere ao designo de Deus sobre ele, conformando sua vontade à de Deus. Neste contexto, sob o estágio da Consciência da Presença de Deus, o crente inicia o seu processo de capacitação, onde as suas atividades emitem informações para suas necessidades. Logo ele percebe, entre outras coisas, que precisa ter uma vivência comunitária e freqüentar a Igreja, participando dos cultos, que são ferramentas de capacitação, por exemplo. A Bíblia é outro meio de capacitação e é inserida no contexto da sua leitura para o entendimento das atividades pessoais, profissionais e ministeriais do crente, ou seja, ele ler – vivencia - ler. As mensagens emitidas pelas atividades (objeto) são vitais para a compreensão deste mundo.
       Como sabemos, Deus criou o homem à “Sua imagem e semelhança” (Gen 1.27), isto significa que ele foi criado como um “tu” que está defronte a Deus, capaz de um relacionamento pessoal e direto com Ele, envolvendo o conhecimento, o amor, a amizade, a comunhão. Neste contexto entra a relação do homem com o Trino, especificamente sob a ação do Espírito Santo em sua vida, discernindo diante de suas atividades qual o seu comportamento, para realizar a “renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” (Rm 12.1-2)

A PAZ DO SENHOR!                                                                   Rafael Jácome

Nenhum comentário: