quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

O Jogo da Culpa

Fonte: Bíblia de Estudo Diário da Mulher


         A maioria das pessoas no mundo moderno esquece que a idéia do sexo se originou da mente de Deus. O sexo não era para ser vergonhoso ou pecaminoso, ou gerar circunstâncias desagradáveis. Deus criou o sexo para ser desfrutado por seu povo, assim como para permitir que as pessoas "frutificassem e se multiplicassem, e enchessem a terra" (Gn 1.28). Mas, quando o pecado entrou no mundo, afetou toda a criação - até mesmo nossa sexualidade.
        Antes da queda, adão e Eva não sentiam vergonha de sua nudez. Eles desfrutavam mutuamente de sua sexualidade, e Deus os abençoava. A bíblia nos diz que eles eram "uma Carne", e "ambos estavam nus, o homem e sua mulher, e não se envergonhavam" (Gn 2.24-25). Porém, em um breve  capítulo depois, nós podemos ler: "E chamou o Senhor Deus a Adão, e disse-lhe: 'Onde estás?' E ele disse: 'Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque esava nu'" (Gn 3. 9-10) O pecado havia mudado tudo.
        O pecado é a fonte da vergonha que as pessoas sentem a respeito da sexualidade. "Quem te mostrou que estavas nu?", Deus perguntou a Adão (Gn 3.11), Adão culpou a mulher, a mulher culpou a serpente, e Deus ressaltou que foi a desobediência deliberada deles que causou a culpa e a vergonha em primeiro lugar (Gn 3.12-13 e 16-17). Eles precisavam parar de jogar "o jogo da culpa" e assumir seus erros. ... Enquanto isso, o leito do matrimônio pode ser a cena de muitos problemas entre marido e esposa. Sexo sem amor é luxúria. Sexo governado pelo amor resulta em bênçãos e alegria... Deus criou o sexo para ser desfrutado entre um homem e uma mulher. Não deve haver espaço para vergonha ou culpa. O pecado pode ter deixado sua marca, o mundo pode ter feito mau uso, mas, porque Deus o criou, o sexo pode ser uma parte pura e agradável do seu casamento.
 
DEUS É FIEL!

Nenhum comentário: