domingo, 14 de abril de 2013

ABOMINAÇÃO

Por Rafael Jácome
Extraído do Pequeno Dicionário Bíblico

    Há três palavras no hebraico traduzidas  abominação  no português, cada uma exprimindo um grau diferente da aversão de Deus a certos atos e objetos. // 1. Toebhah, o que se refere à crença religiosa dum povo. Nas Escrituras hebraicas esta palavra se refere a aversão de Deus, a não ser no caso da aversão dos egípcios. Os egípcios não comiam com os israelitas, “porquanto é isso abominação para os egípcios”, Gn 43.32. Ver, também, Gn 46.34 e Êx 8.26. Essa palavra, indicando o maior grau de abominação, é usada para exprimir a grande repugnância de Deus à altivez : Pv 6.16,17; 16.5; ao engano: Pv 11.1; 3.32; 17.15; 20.10,23; aos espíritos advinhantes, mágicos, feiticeiros, Dt 18.12; à idolatria, Dt 7.25,26; 27.15; Is 44.19; Ml 2.11; aos pecados sexuais: Lv 18.22; 20.13; Dt 24.4; ao oferecer animais defeituosos: Dt 17.1; ao sacrifício do perverso: Pv 15.8; Pv 28.9; Is 1.13; 41.24; aos deuses: Astarote, a abominação dos sidônios, 2 Rs 23.13; Milcom, a abominação dos amonitas, 1 Rs 11.5; Quemós (Camos R), a abominação dos moabitas, 1 Rs 11.7. // 2.  Shekeç  exprime, também, horror e grande aversão, mas geralmente em menor grau que  toebhah . É usada especialmente no que diz respeito aos animais imundos: Lv 11.10-42; Is 66.17; Ez 8.10. // 3.  Piggui , também exprime aversão, mas se emprega na Bíblia hebraica para indicar aversão à carne para o sacrifício, depois de tronar velha: Lv 7.18; 19.7; Ez 4.14.

Nenhum comentário: